0

Meu Carrinho

Últimas

Notícias

ACAERT e SEBRAE desenvolvem programa de capacitação para a radiodifusão catarinense

22.04.2019

Florianópolis - Smart Rádio tem foco na melhoria da gestão das rádios em diversas áreas de atuação

A Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (ACAERT) e SEBRAE de Santa Catarina lançam neste mês as inscrições para o programa Smart Rádio, voltado para a capacitação profissional na área de Marketing e Vendas. O curso tem o objetivo de fortalecer e profissionalizar o setor da radiodifusão e manter as emissoras de rádio catarinenses atualizadas com as mudanças do mercado.

O tema surgiu após de uma pesquisa realizada com radiodifusores, que apontou a área de Marketing e Vendas como uma das grandes demandas por atualização e capacitação do setor. “Todo o programa foi elaborado a partir dessa pesquisa, o conteúdo foi formatado para atender o interesse dos profissionais de rádio”, explica Leonardo Soares de Amorim, diretor executivo da ACAERT.

O formato da capacitação será divido em dois momentos. O primeiro com aulas presenciais para até duas pessoas de cada rádio em cidades-sede no Vale do Itajaí, Oeste e Sul do Estado. Essas aulas acontecerão mensalmente e abordarão assuntos teóricos, cases de sucesso e ferramentas de marketing e vendas. 

Como as aulas são presenciais, foram escolhidas “capitais regionais” para facilitar o deslocamento dos radiodifusores de outras cidades até o local das aulas, mas importante enfatizar que qualquer rádio de qualquer localidade poderá participar.

O segundo momento inclui uma consultoria exclusiva e presencial em cada emissora participante. Para essa atividade, o gestor da rádio pode incluir quantos profissionais da emissora ele considerar necessários, sem quantidade de pessoas delimitada.  

Nesse momento, um especialista do SEBRAE se deslocará até a emissora para prestar a consultoria no local. “O objetivo é oferecer um diagnóstico e uma solução customizada para cada emissora, levando em consideração as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças de cada rádio individualmente”, explica Spyros Diamantaros, gestor de negócios do SEBRAE/SC.

Com informações da ACAERT

Fonte: Tudo radio

Leia

Também

Ambiente para o trabalho da imprensa no Brasil é ...

22.04.2019

UNESCO e Palavra Aberta firmam parceria em educação midiática

22.04.2019

Rádios clandestinas prejudicam comunicação entr...

22.04.2019


Compartilhar